O Velho Palhaço


A poesia “O Velho Palhaço” ganhou um vídeo.
Desta vez eu contei com a fotografia espetacular da minha rainha Karine Ramos.
O resultado foi muito bacana, espero que gostem!

O velho palhaço com fantasia de trapos

Na esquina, no sinal

Já não acha graça

Seu salário de Pedinte

É uma piada

Uma piada sem graça

Uma verdadeira palhaçada

Trocou o palco, picadeiro

Por fumaça, buzinas e

Gente sem graça

O velho palhaço

Sentado na calçada

A espera de moedas

A espera de um milagre

Agora o palhaço, é apenas

Um velho palhaço

Que ri da desgraça, mas não acha engraçado

Sua vida de artista

De palco de asfalto

Ao invés de aplausos

Recebe trocados

Nando Ramos, 10/04/2010.